domingo, 2 de outubro de 2016

Dia dos pais...

Hoje é o dia dos pais, após perder o meu recentemente, sinto que esta data passou a ter um significado ainda mais especial,
Costumávamos almoçar juntos neste dia, chegava em casa e ele estava na cozinha preparando o almoço (o almoço de domingo era dele, independente da data comemorativa)... E a comida era sempre alguma especialidade dele!
Quando os netos vieram, a farra era garantida... A comida era sempre algo que as crianças gostavam de comer: Macarronada, franguinho, arroz, feijão e farofa... Tudo para agradar os netos.
Meu pai era uma pessoa simples, grosso as vezes, mas de um coração enorme!
Sempre disposto a ajudar a quem precisasse.
A família era o mais importante e para agradá-lo não precisava de muita coisa, os netos estando em sua volta já era a felicidade!
Bom...
Achei realmente que não ligaria para a data de hoje, mas estava enganada... Boba que eu fui!
Eu e minha mania de achar que devo ser forte o tempo todo!
Hoje realmente vejo que não sou tão forte assim...
Mas a vida continua e esse é apenas o primeiro, muitos ainda virão e um dia a gente acostuma com a ausência...





UPDATE: Esse texto eu escrevi no dia dos pais e só agora estou tendo a coragem de postar aqui...Nesse dia, a perda do meu pai ainda era muito recente (havia 3 meses da sua partida) e eu ainda estava abalada, mesmo parecendo que tinha superado.Foi um dia difícil e de muito choro..







Estou voltando...

Passaram-se mais de 3 meses que não escrevo nada aqui no blog...
Julho, Agosto e Setembro são meses corridos aqui em casa (aniversário do Théo, do Pedro e meu respectivamente). Teve comemoração e muito carinho...
Teve dia dos pais... E esse dia foi muito difícil pra mim (por causa da minha perda recente).
Aos poucos volto escrevendo sobre tudo que andou acontecendo comigo nesses últimos meses...

Como diria a Simone (a cantora):
"Pode ir armando o coreto e preparando aquele feijão 
preto
Eu to voltando"


terça-feira, 21 de junho de 2016

E nasceu a Dona Martoca...

Boa tarde pessoal!
Como todos sabem, o mês de Maio não foi muito fácil pra mim... Mas a vida precisa continuar, não é mesmo?
Pra ocupar a mente gosto de cozinhar e experimentar receitas novas... 
Numa dessas resolvi fazer um doce que uma amiga havia me ensinado há algum tempinho atrás... 
A famosa Palha Italiana!
Fiz tanta palha que no final, o Pedro levou pra igreja e vendeu tudo... E aí me deu um estalo (ou foi ele que teve um estalo), fazer o doce e ele levar pra vender. Um dinheirinho extra é sempre bom né? 

E, desde então... Respiro, penso e falo somente em palha italiana...


Palha italiana de coco



Palha italiana tradicional




Palha italiana de Oreo




Minha logo lindinha! <3






segunda-feira, 20 de junho de 2016

Ser fortalecida...

Ontem teria tudo para ter sido um domingo normal se não fosse por três acontecimentos diferentes...
Pedro teve de ir trabalhar, Théo e eu estávamos com a saúde um pouco debilitada e decidimos levá-lo à emergência para ter uma assistência médica... Enfim... 
Chegamos à clínica as 10h e fomos atendidos bem rápido, mas o que não contávamos era que a tal tosse alérgica que a pediatra tanto falava pra mim, na verdade poderia ser um sinal de que meu filho possui asma ou bronquite. Com o passar das horas, das nebulizações e exames que ele precisou fazer, fui sentindo um grande cansaço e dor (lembrei que eu também estava doente) e nessa hora o meu marido foi o mais forte da nossa família e me sustentou nesse momento de fraqueza. 
Isso me lembrou um ensinamento que li uma vez...

Sua família pode ser comparada a uma corda. Cada membro representa uma fibra. Quando vocês trabalham juntos para fazer o bem, toda a família se fortalece. Todo membro da família tem a responsabilidade de ajudar a fortalecer uns aos outros.

Nossa família será forte - Cheryl A. Esplin - A Liahona, Julho 2009


E depois que meu marido cuidou dos meus incômodos, consegui ajudá-lo a cuidar do nosso filho que era o foco de estarmos naquela clínica. Fomos liberados já era um pouco mais de 20h, estávamos cansados mas com a sensação de dever cumprido.
Como é maravilhoso saber que não precisamos estar fortes o tempo todo, que temos uns aos outros para nos ajudar a nos reerguer em nossos momentos de fraqueza e desânimo.
Como o amo por isso! Até quando eu me faço de forte ele sabe que estou fraca!

O marido e a mulher têm a solene responsabilidade de amar-se mutuamente e amar os filhos, e de cuidar um do outro e dos filhos. (...)

 A Família: Proclamação ao mundo 








quarta-feira, 18 de maio de 2016

As fases do luto

Perdi meu pai há 13 dias e tenho relutado muito em falar sobre o assunto, as vezes acho que não tenho sentido tristeza o suficiente, não tenho sentido a dor lacerante de quem perde um ente querido... Sinto-me como se fosse uma pessoa insensível e isso me incomoda bastante. Mediante isso, fui pesquisar o processo de luto.

O que vou escrever aqui eu tirei da página Psicologia Free, escolhi essa página por que resume e detalha bem como é esse processo (quem quiser conhecer mais essa página Clique Aqui).

"Luto é uma palavra que acompanha o ser humano desde sempre, principalmente quando perdemos alguém de quem gostamos muito. É uma espécie de despedida forçada e para sempre. Mas afinal o que é o luto? Como se processa? É mesmo necessário esse doloroso processo?"

É uma pergunta muito boa, isso é realmente necessário? Esse sofrimento, essa dor que chega ser física... Então o psicólogo Jorge Elói continua com a sua explicação...

"O luto é um processo necessário e fundamental para preencher o vazio deixado por qualquer perda significativa não apenas de alguém, mas também de algo muito importante, como um objeto, uma viagem, um emprego, uma ideia, etc.

(...) O processo de luto é acompanhado por um conjunto de sentimentos, entre os quais: tristeza, raiva, culpa, ansiedade, solidão, fadiga, desamparo, choque, anseio, torpor, alívio e emancipação. Refletindo-se em sintomas físicos de vazio no estômago, aperto no peito, nó na garganta, falta de ar, falta de energia, boca seca entre outros." 

O psicólogo continua a destrinchar o luto, agora dividindo esse período por partes...


A negação- Surge a primeira fase do luto, é no momento que nos parece impossível a perda, em que não somos capazes de acreditar. A dor da perda seria tão grande, que não pode ser possível, não poderia ser real.
A raiva – A raiva surge depois da negação. Mas mesmo assim, apesar da perda já consumada negamo-nos a acreditar. Pensamento de “ porque a mim?” surgem nesta fase, como também sentimentos de inveja e raiva. Nesta fase, qualquer palavra de conforto, parece-nos falsa, custando acreditar na sua veracidade
A negociação (ou Barganha) - A negociação, surge quando o individuo começa a por a hipótese da perda, e perante isso tenta negociar, a maioria das vezes com Deus, para que esta não seja verdade. As negociações com Deus, são sempre sob forma de promessas ou sacrifícios.
A depressão – A depressão surge quando o individuo toma consciência que a perda é inevitável e incontornável. Não há como escapar à perda, este sente o “espaço” vazio da pessoa (ou coisa) que perdeu. Toma consciência que nunca mais irá ver aquela pessoa (ou coisa), e com o desaparecimento dele, vão com ela todos os sonhos, projetos e todas as lembranças associadas a essa pessoa ganham um novo valor.
A aceitação – Última fase do luto. Esta fase é quando a pessoa aceita a perda com paz e serenidade, sem desespero nem negação. Nesta fase o espaço vazio deixado pela perda é preenchido. Esta fase depende muito da capacidade da pessoa mudar a perspetiva e preencher o vazio. 
(...) As fases do luto, não possuem um tempo predefinido para acontecerem. Depende da perda e da pessoa. Porém sabe-se que a que leva mais tempo é da fase da depressão para a fase de aceitação, algumas pessoas levam décadas de vida e outras nunca conseguiram aceitar com serenidade a perda.

Lidar com a perda de alguém querido nesse mundo cada vez mais catastrófico nos faz ter um processo de luto muito doloroso e traumático.
Porém, em minhas leituras sobre a morte e o luto não consegui me identificar em alguma dessas fases específicas, na verdade tenho lidado bem com esse fato.
O que tem me ajudado a passar por isso é que tenho tido um suporte religioso muito completo, com doutrinas que me confortam e que me garantem que a morte não é o fim, além disso, o que também ajuda é que nos momentos de dificuldades a família se une pra proteger um ao outro e aqui não foi diferente...
Aprendi que cada pessoa lida de uma maneira, sente de uma maneira e para isso não existe parâmetros... E que não sou insensível por estar seguindo o meu caminho sem passar pelo sofrimento que o luto ocasiona na maioria das pessoas...

Mas a razão de estar lidando bem com esse sentimento eu explico em outra postagem...








Tenho andado sumida, aconteceram várias coisas que merecem postagens distintas... 

Hoje estou passando pra mostrar o catalogo novo da Hinode, cheia de lançamentos e novidades bacanas... Esse mês teve em Curitiba a HinodeFest, e lá foram anunciadas muitas mudanças nos planos de markentig da empresa e os lançamentos em produtos para esse 2° semestre...
Vou deixar o link pra quem quiser conhecer as novidade (Clique Aqui) e conhecer a gama de produtos que a Hinode oferece para o seu público.






quarta-feira, 13 de abril de 2016

A história do beijo...

Hoje as redes sociais estão cheios de fotos de pessoas expressando seu amor através do beijo...

Um beijo (do latim basium) é o toque dos lábios em outra pessoa ou objeto. Na cultura ocidental é considerado um gesto de afeição. Entre amigos, é utilizado como cumprimento ou despedida. O beijo nos lábios de outra pessoa é um símbolo de afeição romântica ou de desejo sexual.







Mas... Qual é a história do beijo?

Os mais antigos relatos sobre o beijo remontam a 2500 a.C., nas paredes dos templos de Khajuraho, na Índia. Diz-se que na Suméria, antiga Mesopotâmia, as pessoas costumavam enviar beijos aos deuses. Na Antiguidade também era comum, para gregos romanos, o beijo entre guerreiros no retorno dos combates.
Era uma espécie de prova de reconhecimento. Aliás, os gregos adoravam beijar. Mas foram os romanos que difundiram a prática. Os imperadores permitiam que os nobres mais influentes beijassem seus lábios, e os menos importantes as mãos. Os súditos podiam beijar apenas os pés. Eles tinham três tipos de beijos: o basium, entre conhecidos; o osculum, entre amigos; e o suavium, ou beijo dos amantes.
Na Escócia, era costume o padre beijar os lábios da noiva ao final da cerimônia. Acreditava-se que a felicidade conjugal dependia dessa benção. Já na festa, a noiva deveria beijar todos os homens na boca, em troca de dinheiro. Na Rússia, uma das mais altas formas de reconhecimento oficial era o beijo do czar.
No século XV, os nobres franceses podiam beijar qualquer mulher. Na Itália, entretanto, se um homem beijasse uma donzela em público, era obrigado a casar imediatamente. No latim, beijo significa toque dos lábios. Na cultura ocidental, ele é considerado gesto de afeição. Entre amigos, é utilizado como cumprimento ou despedida; entre amantes e apaixonados, como prova da paixão.
Mas é também um sinal de reverência, ao se beijar, por exemplo, o anel do Papa ou de membros da alta hierarquia da Igreja. No BrasilD. João VI introduziu a cerimônia do beija-mão: em determinados dias o acesso ao Paço Imperial era liberado a todos que desejassem apresentar alguma reivindicação ao monarca. Em sinal de respeito, tanto os nobres, como as pessoas mais simples, até mesmo os escravos, beijavam-lhe a mão direita antes de fazer seu pedido. Esse hábito foi mantido por D. Pedro I e por D. Pedro II.
Como eu já escrevi em outra postagem (Relembre Aqui), existem várias razões para comemorarmos esse gesto tão íntimo e cheio de significado porém, o importante é celebrar com aquela (s) pessoa (s) especial (ais)...
E VAMOS BEIJAR MUITO!!!


Tipos de beijos!!!






quinta-feira, 7 de abril de 2016

Dia do Beijo

Vamos falar de coisa boa?
O Dia do Beijo é comemorado no dia 13 de abril. Mas por quê?
Muitas teorias existem sobre a origem desse dia, mas nenhuma é confirmada como verdadeira.
Uma delas refere-se à Itália, onde existiria um tal de Enrique Porchelo. O “Don Juan” beijava todas as mulheres da vila, inclusive as casadas.
No dia 13 de abril de 1882, o padre local, injuriado, ofereceu um prêmio em moedas de ouro às mulheres que não tivessem ainda sido beijadas pelo homem. Nenhuma mulher apareceu para receber o prêmio. 
Dizem que o padre morreu e o dinheiro continua por lá, em algum lugar.
Curiosa essa história não é mesmo? 



Comemore você também o dia do beijo, peça já o seu batom.
Cores incríveis e modernas para deixar o seu beijo marcante!


Querem conhecer toda a linha de batons BellaOggi e arrasar no dia do beijo?
 CLIQUE AQUI e conheça!

sábado, 2 de abril de 2016

Com firmeza nós prosseguiremos...


A mensagem deste ano para a juventude da igreja é extremamente motivadora! Meus alunos já sabem o quanto fiquei viciada na música tema... A ouço todos os dia, em qualquer momento de distração estou cantarolando... Uma verdadeira paixão! 




Imagem: Sudbr.org


Uma  mensagem de força, perseverança, fé, união, persistência e amor a Cristo.
Para vocês entenderem o que estou falando, vou transcrever a letra da música aqui para vocês comprovarem o que estou falando!



Não somo errantes, alguém nos conduz.
Fomo orientados e seguimos a luz.
Propósito temos, uma meta final.
Mas há somente um caminho, ideal.

Com firmeza nós prosseguiremos fiéis
Com firmeza nós prosseguiremos
Sempre juntos (2x)

Há tanta esperança, no que há de vir
Com os olhos fitos no Salvador
Para sentir o Seu amor.

Com firmeza nós prosseguiremos fiéis
Com firmeza nós prosseguiremos
Sempre juntos.

Sempre o certo seguiremos,
Mesmo que fiquemos só.
Mas a cada passo,
Ele vai nos ensinar, nos tornar
Fortes,
Então com fé
E firmeza nós prosseguiremos.

Com firmeza nós prosseguiremos fiéis
Com firmeza nós prosseguiremos
Sempre juntos (2x)

O que acharam desta letra? Maravilhosa né? Amo poder trabalhar diretamente com os jovens e poder,  certa forma, os encorajarem a se tornarem pessoas melhores e a alcançarem seus potenciais. 


Vamos assistir ao vídeo?


video

segunda-feira, 28 de março de 2016

Um dia especial


Pedro e eu nos selamos no último dia 19 e saber que para nós a morte não irá nos separar é um alento nesse mundo em que tudo está virado de cabeça para baixo.

Tenho ensaiado esse texto desde antes do selamento acontecer e continuo sem saber o que escrever... O que posso dizer é que realmente pude sentir a paz e o conforto de estar no lugar certo, fazendo o que é certo. Como diria uma grande amiga, tive a sensação de estar voltando para casa!

Para não ficar aqui enchendo linguiça a toa, vou deixá-los com as belíssimas fotos que tiramos lá no templo com a queridíssima Andreza Rocha (quem quiser conhecer mais do trabalho dela Clique Aqui) e meu vestido maravilhoso feito pela minha amiga Ytailandia (para vocês conhecerem o trabalho dela Clique Aqui.).




Não há nada que tenha acontecido ou que venha acontecer em sua família que seja tão importante quanto as bênçãos do selamento.
Presidente Henry B. Eyring






“Não conheço outro lugar além do lar, onde a verdadeira felicidade pode ser encontrada nesta vida. É possível tornar o lar um pedaço do céu, e eu vejo o céu, na realidade, como uma continuação do lar ideal”.
Presidente David O. McKay






“O casamento é a instituição que forma a ordem social, a fonte da virtude e o alicerce da exaltação eterna. O casamento foi divinamente ordenado como um novo e eterno convênio. Ele é santificado quando é cultivado e honrado em santidade. Essa união não é meramente entre marido e mulher; ela inclui uma sociedade com Deus”.
— Russell M. Nelson





"Que o marido e a esposa jamais gritem um com o outro, 'a não ser que a casa esteja em chamas'", David O. McKay





“A família é a organização mais importante no tempo ou na eternidade. Nosso propósito na vida é criarmos para nós unidades familiares eternas”.
Joseph Smith






Vestido: CAV Arte de Vestir 

Foto: Andreza Rocha Fotografia  

Templo de Campinas de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias 



"Que o marido e a esposa jamais gritem um com o outro, 'a não ser que a casa esteja em chamas'", David O. McKay





segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Reflexões de um ano de casamento - Bodas de papel

Ontem foi nosso aniversário de casamento e, com essa data, vieram muitas reflexões da minha parte...
Mediante isso, vou transcrever aqui um discurso muito enriquecedor e com lições valiosas de um líder da igreja que frequento.
O discurso é do ano de 2007 e o título é: Como enriquecer seu casamento.
Nesse discurso James E Faust, na época o segundo conselheiro do Presidência da igreja, fala um pouco como a experiência do divórcio pode ser traumatizante e nos faz refletir por qual motivo existem casamentos bons e maus. Logo em seguida, começa a ensinar como podemos enriquecer o casamento de maneira que possamos transformá-lo e enriquecê-lo.

Mas, como enriquecer nosso casamento?
O presidente Faust começa fazendo seis perguntas para refletirmos...
"Podemos perguntar: “Como um casamento pode ser enriquecido constantemente?” Edificamos nosso casamento com infinita amizade, confiança e integridade, bem como auxiliando e apoiando um ao outro nos momentos de dificuldade. Falando a respeito de Eva, disse Adão: “Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne” (Gênesis 2:23). Existem algumas perguntas — simples, mas relevantes — que todas as pessoas, casadas ou que tencionam casar-se, devem fazer-se honestamente no empenho de se tornarem “uma só carne”. São as seguintes:Primeira: sou capaz de pensar antes nos interesses do meu casamento e do meu cônjuge antes de meus próprios interesses?
Segunda: quão profundo é o meu comprometimento com meu cônjuge, além de qualquer outro interesse?
Terceira: meu cônjuge é meu melhor amigo?
Quarta: respeito sua dignidade como pessoa importante e valiosa?
Quinta: brigamos sobre dinheiro? O dinheiro por si só parece não fazer um casal feliz, tampouco a falta dele torna o casamento infeliz. Freqüentemente, brigar por dinheiro é símbolo de egoísmo.
Sexta: existe um elo espiritualmente santificador entre nós?"
Continuando a leitura desse discurso, o presidente Faust nos dá várias dicas de como podemos melhorar a vida como casal...
"Várias práticas importantes podem contribuir para enriquecer o casamento.
Oração. Uma boa comunicação enriquece o relacionamento familiar. Um meio importante é a oração em conjunto. Quando feita antes de dormir, ela poderá aplainar as diferenças que possam existir entre o casal. Não quero dar muita ênfase às diferenças, mas elas são reais e tornam as coisas interessantes. Creio que elas são as pequenas pitadas de sal que tornam o casamento mais saboroso.
Comunicamo-nos de muitas maneiras: com um sorriso, afagando os cabelos, um toque especial. Devemos lembrar-nos de dizer todos os dias “Eu te amo”. O marido deve dizer à esposa: “Você é linda”. Outra palavra importante para ser dita tanto pelo marido quanto pela esposa, no momento adequado, é “Desculpe”. Ouvir também é um excelente meio de se comunicar.
Confiança. A total confiança mútua é um dos principais fatores que enriquecem o casamento. Nada destrói o âmago da confiança mútua, tão necessária para manter um relacionamento, como a infidelidade. Nunca existirá qualquer justificativa para o adultério. Contudo, a despeito dessa experiência destrutiva, ocasionalmente pode acontecer de um casamento ser salvo e a família, preservada. Para isso, é preciso que a parte ofendida seja capaz de ter tanto amor que possibilite o perdão e o esquecimento. É preciso que a parte que errou deseje desesperadamente se arrepender e abandonar de fato o mal.
Nossa lealdade para com nosso companheiro eterno não deve ser apenas física, mas também mental e espiritual. Já que não existem flertes inocentes nem lugar para ciúmes após o casamento, é melhor evitar até a aparência do mal, como contatos questionáveis com pessoas com quem não estamos casados.
Virtude. A virtude é um ingrediente capaz de unir o casal de modo muito especial. Disse o Senhor: “Amarás tua esposa de todo o teu coração e a ela te apegarás e a nenhuma outra” (D&C 42:22).
Presença divina. Dentre todas as coisas que podem abençoar um casamento há um ingrediente especial capaz de unir um homem e uma mulher de modo muito real, sagrado e espiritual. É a presença do divino no casamento. Shakespeare, falando por intermédio da Rainha Elisabete, em Henrique V, disse: “Que Deus, o melhor Criador de todos os casamentos, combine vossos corações em um” (ato 5, cena 2, versos 67–68). Deus também é o melhor mantenedor de casamentos.
Existem muitas coisas que podem enriquecer o casamento, mas nem todas têm a mesma importância. Ter a companhia constante da presença divina e santa é o ponto central da maior felicidade no casamento. A união espiritual é a âncora. Os pequenos vazamentos na dimensão espiritual do casamento freqüentemente o levam a esvaziar-se.[...]Dízimo. Aprendi, nos meus vinte anos servindo como bispo e presidente de estaca, que um excelente seguro contra o divórcio é o pagamento do dízimo. O cumprimento desse mandamento facilita a recarga da bateria espiritual, habilitando-a a funcionar sem problemas, se o gerador espiritual passa a trabalhar mal ou pára de funcionar.
Nem a melhor ou mais majestosa música produz constantemente a harmonia de um grande amor. A mais perfeita música é a combinação de duas vozes para criar uma única música espiritual. O casamento é o meio proporcionado pelo Senhor para que sejam atendidas as maiores necessidades humanas, com base no respeito mútuo, maturidade, desprendimento, decência, comprometimento e honestidade. A realização no casamento e na paternidade excedem mil vezes qualquer outra felicidade.
Ser Pais. A alma do casamento é imensamente enriquecida e o processo de crescimento espiritual é muito fortalecido quando o casal tem filhos. Para esses casais, os filhos são a maior de todas as felicidades no casamento. Os homens crescem porque, como pais, precisam cuidar de sua família. As mulheres florescem porque, como mães, precisam esquecer-se de si mesmas. Ao tornar-nos pais, entendemos melhor o significado pleno do amor. Contudo, se os filhos não vierem, os casais que mesmo assim estiverem preparados para recebê-los com amor serão honrados e abençoados pelo Senhor por sua fidelidade. Nosso lar deve estar entre os mais puros santuários sobre a Terra.
No enriquecimento do casamento, é grande a importância das pequenas coisas. O apreço de um pelo outro deve ser constante, bem como uma atenciosa demonstração de gratidão. É preciso que haja encorajamento mútuo no casal, cada um ajudando o outro a crescer. O casamento é a busca comum daquilo que é bom, belo e divino." 
Pedro e eu já moramos na mesma casa a 6 anos e estamos caminhando para o 7º ano de relação, com o passar dos anos as diferenças ficam muito aparentes, mas se não nos esforçarmos em fazer dar certo, realmente a vida a dois fica muito difícil.
Não estou aqui para levantar a bandeira que o meu casamento é perfeito, por que não é! Nós brigamos como todo casal, a diferença é que estamos sempre buscando maneiras de encontrar soluções para resolvermos esses problemas...
Casamento não é fácil... Mas vale muito a pena!


Foto: http://nossasbodas.com/bodas-de-papel-aniversario-de-um-ano-do-blog/
(diponível para download neste link)









sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Não tenho nada para dizer... Você deveria postar sobre isso!

Bom dia pessoal!
Sei que ando sumida daqui, mas ser blogueira não é fácil.
Mas por que falo isso? 
Bom, costumamos achar que aquelas blogueiras lindas que viajam pelo mundo, ganham presentes e convites para os lugares mais badalados, não fazem nada da vida... Esse conceito está definitivamente errado! E como sei disso? Porque eu resolvi escrever um blog!
Gente... Criar um conteúdo bacana toda semana é muito trabalhoso... Imagina quem precisa criar esse conteúdo duas, três ou até todos os dias da semana. Ufa! 
Nesses últimos dias estou sofrendo de um apagão criativo, não sei sobre o que escrever, o que mostrar... Não saber o que quer fazer dá um nervoso muito grande, mas lá no fundo, isso é completamente normal.
Não é sempre que temos algo bacana para dizer...
Mas, o que fazer quando isso acontece?
Bom, no meu caso, eu fico quietinha estudando, lendo até ter um estalo criativo (tipo aquela lâmpada em cima da cabeça).
E o que eu posso aprender com isso?
Que eu preciso ter calma e paciência, que é melhor falar sobre algo bacana mesmo que demore a aparecer o assunto, do que falar um monte de abobrinhas pro aí.

Afinal, depois que você publica algo na internet, pra tirar... 




segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

O doce sabor da volta às aula...




Meu filho voltou a estudar hoje. Quem me conhece, sabe o quanto sou apegada a ele e, por ser filho único, esse apego é muito maior para mim do que para ele.
Mediante isso o coloquei na escola no ano passado e, para a minha NÃO surpresa, meu filho se adaptou rapidamente e sem estresse. Vamos olhar pelo ponto de vista de uma criança de 2 anos (na época): Uma sala cheia de amiguinhos da mesma idade e tamanho, uma escola com um parquinho colorido e variedade de brinquedos, duas "tias" que brincam com ele a manhã inteira... Qual criança não iria gostar?
Confesso que sofri muito no dia que meu marido e eu fizemos a matrícula dele, não imaginava colocá-lo na escola tão cedo. E naquele ano descobri que a necessidade de trabalhar esse desapego, cortar o cordão umbilical imaginário que nos ligava era minha.
Voltando para o dia de hoje, um ano após a primeira vez do Théo na escola, vejo meu filho mais independente, falante, com uma maior percepção das coisas que acontecem a seu redor. 
A escola fez isso por ele, porque lá ele não tem a minha proteção (que muitas vezes chega a ser sufocante) e é aí que entra as grandes lições que levará para a vida... Independência, agilidade de raciocínio, amizade... Coisas que complementam o que é ensinado em casa.
A melhor escolha que eu fiz para o meu filho foi tê-lo colocado na escola e vê-lo entrar feliz por estar de volta junto dos amiguinhos faz valer a pena todo o sacrífico.

Para os pais que estão levando seus filhos pela primeira vez, não desistam! Alguns choram, outros não... Mas eles acostumam e, quando acostumam, vocês sentirão o quanto eles se desenvolveram e cresceram. A diferença é nítida!

Boa volta às aulas para todos!


Para a nossa alegria!!!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Desafio Corps Lignea - 10 dias de uso

Há 10 dias comecei um desafio para redução de medida abdominal, um teste mesmo. O que estava sendo posto em cheque era se o dito produto funcionava de verdade... 
Se você não leu e nem imagina que desafio é esse, Clique Aqui.
O produto a que me refiro é o gel corpus lignea da Hinode e sim, ele realmente cumpre o que promete. Nesse tempo que tenho usado (3x na semana), ele reduziu bem minhas medidas. 
Só parei o uso no período menstrual por que fico muito enjoada, impaciente e inchada. Aí, não tem gel que funcione mesmo!
Essa semana voltei a rotina de uso... Mas, agora eu também comecei a fazer exercícios!!!








Isso já ajuda bastante na melhora dos resultados...

Essa semana eu esqueci de tirar foto, mas na próxima postagem do desafio eu prometo bastante foto das minhas banhas (kkkkkkkkk).








terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Desafio Corps Lignea Hinode

Oi pessoal! 
Andei pesquisando pela internet sobre o creme massageador da Hinode Corps lignea e, segundo a fabricante, esse gel é especificamente desenvolvido para auxiliar na queima de gorduras localizadas. 
Corps Lignea – Gel Massageador contém Cânfora e Mentol, que produzem uma agradável sensação de frescor e calor ao mesmo tempo. Esta combinação sinérgica de Cânfora e Mentol, também é responsável pela melhora da vasodilatação periférica e ativa a drenagem das toxinas. De fácil aplicação, pode ser deixado na pele sem engordurar o tecido da roupa. Ideal para trabalhos estéticos, no combate a gordura localizada, e remodelação corporal, sem massagem energética.
E seus benefícios são de auxiliar na queima de gorduras localizadas.

Bom, mediante a essas informações, resolvi testar esse gel e vê se ele realmente cumpre o que promete... Meninas, realmente funciona. Usei ele durante uma semana, sem estar fazendo algum exercício ou alguma dieta e consegui diminuir 9 cm da cintura.
ISSO MESMO!!! 9 CM...
Mas me desleixei e parei o uso...

Daí surgiu a ideia do desafio... Farei uso do gel durante 1 mês e a cada semana finalizada virei aqui contar se houve redução de medidas, se o gel realmente funciona e fazer o comparativo... 

Lembrando que o gel sozinho (sem atividade física e dieta aliada) promete a redução de 1 cm no final de 1h de aplicação, então não esperem resultados milagrosos... Cada corpo reage de uma forma... E, se aliarmos uma dieta equilibrada com exercícios regulares, com certeza os resultados serão acima do esperado.


Quem vai querer começar esse desafio comigo?













UPDATE 1: Para os interessados, vendemos esse gel em nosso site:  www.hinodeonline.com.br/1052448


UPDATE 2: Acabei de passar o gel e para primeira vez o resultado foi FANTÁSTICO! Tirei foto da minha barriga (banha seria mais apropriado), pra fazer uma comparação inicial. 
No geral, senti diferença apenas na fita métrica, mas colocarei a imagem para vocês também terem algo para comparar.
Tirei medidas de 3 lugares diferentes do abdome onde tenho maior concentração de gordura localizada (a famosa banha) para irmos comparando a medida que o desafio vai se desenrolando...






Para não dizer que não vi diferença (coloco sempre a culpa na miopia), enxerguei que mudou o aspecto de inchado que tinha a minha barriga, visualmente ela parece mais enxuta.

Esse gel usa a crioterapia para a redução das medidas corporais...
Mas afinal, o que é isso? Como isso ajuda?
Bom, isso já é assunto para outra postagem... 












sábado, 23 de janeiro de 2016

SORTEIO!!!

Bom dia pessoal!
Hoje venho falar um pouco sobre um sorteio super bacana que está rolando lá no facebook, na página do Que Beleza!. O prêmio é esse maravilhoso perfume traduções gold nº 28 (tradução do Ferrari Black).
Já expliquei em outra postagem a razão dos perfumes serem chamados por esse nome e as características que os tornam tão bons quanto os importados.  
caso queira não tenham lido, clique no link http://mundoronch.blogspot.com.br/2016/01/a-linha-de-traducoes-gold-sao-as-mesmas.html e conheça esses perfumes  maravilhosos!!!
Bom, voltando ao sorteio... 
O sorteio acontecerá no próximo dia 31/01/2016 as 20h (horário de Brasília).
Agora a pergunta que todos querem saber, como posso estar participando deste sorteio?
Gente, é muito simples! Vão lá na página do Que Beleza! e sigam os seguintes passos:
  • curtam a página, 
  • compartilhem a postagem que está fixada no topo da página, 
  • marquem seus amigos na postagem, 
  • clique no link do sortei.me e aperte em QUERO PARTICIPAR.
Pronto! Vocês já estarão concorrendo a essa maravilha!
Não percam tempo, corram e participem...



O prêmio!

Sorteio será realizado no dia 31/01/2016 - 20:00hs

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Uma lição inesperada

Essa semana tem sido de muita chuva e um típico friozinho de inverno... Junte a isso um feriado municipal e uma criança de três anos de férias... Resultado? Fomos ao shopping para gastar a energia acumulada do meu filho.
Ainda estamos no primeiro mês de 2016 e tenho aprendido grandes lições... 
Uma delas eu aprendi ontem enquanto assistia meu filho brincar numa mega piscina de bolinhas com o pai... Não importa o local onde estamos ou a atividade que fazemos, o importante é com quem estamos. O que ficará marcado na lembrança do meu filho é o momento que ele passou com o pai, sem interrupções, usando o celular apenas para registrar o momento... 
Ao vê-los brincando sem mim, pude contemplar o quanto tive sorte ao escolher o pai do meu filho e logo veio em minha mente o ensinamento que os pais são os espelhos para os filhos. 
Élder M. Russel Ballard disse isso uma vez numa reunião direcionado para pais e filhos...



"Pais, vocês são o principal modelo de hombridade para seus filhos. Vocês são os conselheiros mais importantes e, acreditem se quiserem, vocês são seus heróis de várias maneiras. As suas palavras e o seu exemplo exercem uma grande influência sobre eles." 
 Élder M. Russel Ballard 

E por qual razão falo que tenho sorte? Por que o pai do meu filho é uma pessoa responsável, um pai e marido amoroso, tem pulso firme nos momentos certos e é um homem de fé. Que características maravilhosas para o meu filho se espelhar...
E sou extramente grata por ter aprendido essa lição de maneira tão clara e inesperada...


Meus meninos